O valor da enfermagem

0
56

Equipes de enfermagem encabeçam a assistência à saúde do começo ao fim

Amparo, cuidado e assistência integral ao paciente. A equipe de enfermagem é a primeira a receber quem chega ao serviço de saúde, é a que acompanha e supre esse paciente durante todas as fases do atendimento, e é também o último contato dele quando vai embora. Esse verdadeiro exército de profissionais – a maior categoria do segmento – dedica sua vida e seus conhecimentos ao cuidar do outro no momento em que mais precisa.

Embora esses profissionais mereçam ser homenageados todos os dias – e mais do que nunca com a chegada da pandemia causada pela Covid-19, que os têm levado ao limite de suas forças na luta para salvar vidas – o período de 12 a 20 de maio é totalmente dedicado a eles: a Semana da Enfermagem.

Começa no dia 12 de maio, Dia Internacional do Enfermeiro, instituído em homenagem ao nascimento de Florence Nightingale (em 1820), mãe da enfermagem moderna, e encerra no dia 20, Dia Nacional do Técnico e do Auxiliar de Enfermagem, marcado pela data da morte de Ana Neri (em 1880), pioneira da enfermagem no Brasil.

É um dom
Com 15 anos de profissão e o mesmo tempo dedicado à Saúde de Barueri, a enfermeira Lucineide Maria da Silva agradece a Deus pelo dom do cuidar. “Ser enfermeira é dominar a arte de cuidar. Cuidar de alguém que você nunca viu na vida e mesmo assim  fazer o melhor por ela. Ser enfermeira é tratar o doente como se ele fosse alguém da sua família, com respeito, carinho e amor. Amo minha profissão!”, declara, emocionada.

A enfermeira Maria de Fátima da Silva, com 22 anos de profissão, dos quais 20 dedicados a Barueri, conta que vem desde a infância o desejo de seguir esse caminho. Assim como Lucineide, ela acredita que cuidar é um dom dado por Deus. “Na enfermagem passei por momentos que nem sempre foram favoráveis, no entanto, sei que fui escolhida por Deus para ser agraciada com o dom de cuidar de pessoas e faria tudo novamente”, diz. “Espero que a enfermagem continue lutando para ser uma profissão com o devido reconhecimento e importância na sociedade”, pontua.

Em tempos de Covid
A pandemia causada pelo novo coronavírus trouxe a essa geração de enfermeiros e técnicos de enfermagem uma realidade e uma rotina até então desconhecidas. Há mais de um ano esses profissionais trabalham incansavelmente em uma luta histórica pela vida – a dos outros e a deles, que estão totalmente expostos ao vírus.

A diretora de enfermagem da Coordenadoria de Atenção Básica à Saúde de Barueri (Cabs), Fernanda Lucas M. Munhoz, conta que a pandemia trouxe desafios para toda a equipe: “incorporamos novas ferramentas de trabalho e tecnologias que visam sempre buscar diferentes formas de reorganização do processo de assistência para atender às necessidades daqueles que precisam, com empatia, coragem, comprometimento, flexibilidade e reconhecimento das potencialidades, fragilidades e estratégias para a solução dos problemas identificados”.

“A Enfermagem tem um papel fundamental na detecção, avaliação, monitoramento e recuperação dos casos de Covid-19 nessa pandemia. Para tal, somos a maior categoria profissional de saúde e é possível evidenciar que sua importância vai além de sua capacidade técnica, porque cuidamos dos nossos pacientes de modo ininterrupto por 24 horas”, detalha a enfermeira.

Só na Atenção Básica de Barueri há 465 enfermeiros, técnicos e auxiliares de enfermagem atuando nas 18 Unidades Básicas de Saúde (UBSs), nos três Caps (Centros de Atenção Psicossocial), no Sad (Serviço de Atenção Domiciliar) e agora nas tendas de exames e nos polos de vacinação contra a Covid. A equipe ganhou o reforço de 46 novos profissionais nesse último ano só para atender à vacinação da cidade.

“Neste ano, em especial, queremos enaltecer os esforços que a equipe  de enfermagem tem desempenhando para combater a Covid 19. Por meio do atendimento aos usuários nos diversos cenários, da vacinação e do atendimento direto presencial, nas teleconsultas, na realização de exames, dentre outros”, frisa Fernanda.

Este ano a celebração à Semana da Enfermagem será mais tímida, devido ao cenário pandêmico, mas as unidades de Saúde de Barueri irão realizar ações internas para transmitir à equipe a gratidão por todo seu empenho e dedicação.

Fonte: Secom – Prefeitura de Barueri