Último mutirão de castração atende 611 pets no Parque Dom José

0
21

O último mutirão de castração de cães e gatos organizado pela Secretaria de Recursos Naturais e Meio Ambiente de Barueri (Sema) de 10 a 12 de novembro, no Parque Municipal Dom José, realizou um total de 611 procedimentos cirúrgicos.

Ao todo, foram ofertadas 790 vagas para munícipes e protetores de animais, das quais 179 não foram atendidas devido à ausência dos responsáveis e seus pets ou a inaptidão de alguns animais. As faltas correspondem a 23% do total ofertado.

Tutores satisfeitos
Os munícipes que compareceram ao procedimento reconhecem que a prática ajuda a manter o animal saudável, além de combater a reprodução desordenada dos pets. 

A moradora Bruna Mota, de 26 anos, tutora da Safira, enalteceu o projeto e acredita que a castração é muito importante. “Maravilhosa! Achei muito legal a atitude. Ela está dando uma oportunidade de a gente cuidar melhor dos cachorros. A Prefeitura ajudando com essa base é maravilhoso, a gente castra o animal sem preocupação alguma”, elogia. Bruna ainda finaliza: “acho super importante o cuidado com o cão e a castração, pra evitar possíveis doenças futuramente”.

Já para Rosineide da Silva Santos, de 38 anos, a iniciativa é bem satisfatória, auxiliando responsáveis e pets. “Estou achando muito bom, muito importante para os animais e pra gente também, moradores aqui do município”.

Rosineide reforça que o projeto ajuda pets e tutores, devido a gratuidade do procedimento, pois muitos não têm condições financeiras para arcar com a cirurgia. “Eu acho bem importante, a gente precisa castrar e, naturalmente, muita gente não tem o dinheiro para isso e como aqui é gratuito, ajuda bastante”, complementou.

Para 2022
Para o biólogo e diretor de Biodiversidade da Sema, Ivan Vanderley Silva, estão previstos novos agendamentos para o ano que vem. “Novos agendamentos para os mutirões de castração estão previstos para 2022 e, para ficarem informados, os munícipes precisam acompanhar as publicações nos canais oficiais de comunicação da municipalidade”, alerta.

Fonte: Secom – Prefeitura de Barueri