Nova Secretaria vai cuidar da Mobilidade Urbana de Barueri

0
39

Mais do que simples problemas de trânsito, o conceito de mobilidade urbana ganha ênfase nas grandes cidades pela complexidade cada vez maior nos deslocamentos de pessoas e de veículos nas vias públicas.  Diante disso, a Prefeitura de Barueri criou a Secretaria de Mobilidade Urbana (Semurb) por meio da Lei Complementar Nº 518, de 23 de fevereiro de 2022.

A prioridade da Pasta, segundo o novo secretário, Valter de Oliveira, é planejar e executar ações para aprimorar o trabalho na gestão da mobilidade no município, tendo como meta permanente diminuir cada vez mais o número de acidentes (sinistros), tanto de veículos quanto de pedestres.

O secretário explica que o conceito de mobilidade urbana é muito mais abrangente, indo além das questões mais diretas que envolvem o trânsito. “Nosso foco é cuidar justamente dos deslocamentos de pessoas para os mais variados fins (comerciais, pessoais, lazer, profissionais) utilizando todos os modais, ou seja, automóvel, bicicleta, ônibus etc.”

O conceito de mobilidade urbana inclui ainda as condições das vias públicas, a infraestrutura viária, a qualidade do transporte público, entre outros elementos de locomoção e de bem-estar das pessoas.

Valter de Oliveira lembra que Barueri tem uma população estimada de 280 mil habitantes e 208 mil veículos registrados, além de outros 80 mil “flutuantes” que passam pelo município vindos de outras cidades, trafegando em 527 quilômetros de vias.

Principais medidas da nova Secretaria
O trabalho da Semurb hoje, assim como já vinha sendo desenvolvido pela Coordenadoria Técnica de Trânsito, antes ligada à então Secretaria de Segurança e Mobilidade Urbana, se dá em três pontos principais:

  • Levantamento permanente dos pontos críticos nas vias a fim de direcionar as ações contra acidentes e vítimas;
  • Integração dos bancos de dados do Município referentes à mobilidade urbana (Guarda Civil, Secretarias afins) e de outros órgãos estaduais (Polícia Militar, Delegacias de Polícia etc.).
  • Elaboração do Plano de Mobilidade Urbana, que formalizará as principais diretrizes de atuação da Pasta.

A nova Secretaria é constituída por quatro departamentos: Operacional; Engenharia de Trânsito; Educação para o Trânsito; e Transporte Diferenciado (taxis e veículos escolares).

Existem hoje 166 agentes de trânsito e de acordo com o secretário esse número deverá chegar a 200, depois que for concluído o concurso público para a contração de mais 34.

A Semurb também deverá ter prédio próprio, que será construído ao lado onde hoje está a Secretaria de Segurança Urbana e Defesa Social. O processo para a obra ainda está em fase inicial de licitação.

Novo Secretário
Valter de Oliveira é coronel da Polícia Militar de São Paulo e bacharel em Direito. Possui ampla experiência em mobilidade urbana adquirida como secretário de Trânsito e Transporte nas prefeituras de Santana de Parnaíba (2018-2020) e de Itapetininga (2015-2016). Atuou ainda na Superintendência de Serviços Autorizados e Contratados do Sistema de Transporte Coletivo Público da cidade de São Paulo – São Paulo Transportes (SPTrans), de 2011 a 2012, e foi Diretor do Departamento de Operação do Sistema Viário da cidade de São Paulo (DSV) em 2010 e 2011. O secretário da Semurb é casado e tem 64 anos.

Fonte: Secom – Prefeitura de Barueri