Secretaria da Mulher encerra ações do Outubro Rosa

0
70

O encerramento oficial da campanha “Câncer de mama não faz quarenta”, realizada nesta quarta-feira (dia 27) na Secretaria da Mulher, foi marcada pelos resultados da ação que mobilizou toda a cidade em prol ao diagnóstico precoce do câncer de mama. A ocasião também abordou o lançamento das próximas ações para o Novembro Azul, que visa o combate ao câncer de próstata, por meio do programa “Os 12 Tons Deles”. 

“20 mil exames foram ofertados, e até a data de ontem (dia 26), nós tínhamos 14.500 mamografias realizadas. No ano passado, nesse mesmo período, chegamos ao máximo de 13.600 exames. Até encerrar a campanha, porque ainda temos exames agendados, esperamos atingir em torno 18 mil exames efetuados. Realmente a campanha alcançou um grande sucesso”, revela o secretário de Saúde de Barueri Dionísio Alvarez Mateos Filho. 

Durante o evento de encerramento, as alunas do curso de expressão corporal fizeram uma apresentação musical que, segundo a coreógrafa e professora Rita Nogueira, simbolizava o despertar da mulher ao “olhar pra si”. 

Homens em ação 

A cerimônia, ao encerrar o Outubro Rosa deste ano, deu lugar para o início da campanha “Os 12 Tons Deles”, voltada para o público masculino. Idealizada pela Secretaria da Mulher, envolve uma série de atividades com o objetivo de conscientizar os homens a cuidarem mais da própria saúde. 

“Mais de 90% dos homens que fazem o seu 1º exame médico foi porque houve um incentivo de uma figura feminina da família. Assim como é importante o Outubro Rosa, também é importante ajudar e estimular os homens a cuidarem da própria saúde”, reforça a secretária da Mulher, Giani Cristina de Souza. 

O médico urologista Jair Pedralli Júnior, coordenador de urologia do HMB (Hospital Municipal de Barueri), falou sobre a importância do diagnóstico precoce. 

“O trabalho que vocês fizeram neste Outubro Rosa foi sensacional e esse empenho nós precisamos trazer ao Novembro Azul. O homem, em geral, é muito relaxado com a saúde, e a mulher é totalmente diferente, a mulher tem mais essa consciência de que precisa ir ao ginecologista. Por isso é importante difundir a prevenção do câncer de próstata e perder esse medo de fazer os exames, com isso a gente consegue tratar muito melhor o paciente quando o diagnóstico é feito no começo”, disse o especialista. 

O encontro foi encerrado com uma apresentação de dança composta 100% por homens dando significado à importância do engajamento masculino à campanha Novembro Azul.

Fonte: Secom – Prefeitura de Barueri