Campanha Vacina Solidária gera primeira remessa ao Fundo Social

0
71

A técnica de enfermagem Luciana Santos conta que a alegria das pessoas que chegam para tomar a vacina contra a Covid-19 é contagiante. “É nítida a alegria, a empolgação, a ansiedade, a esperança de que dias melhores virão por parte das pessoas que estão sendo vacinadas. Todas as pessoas que passam por esse momento têm a mesma alegria”, descreve.

Não é à toa que a Campanha Vacina Solidária vem revertendo em uma bonita onda de amor em forma de doações a quem mais precisa. Essa energia boa está impregnada em cada item trazido, voluntariamente, por quem está indo receber sua dose.

É justamente essa onda de esperança trazida pela vacina que o secretário de Comunicação, Thazio Gomiero, quis incorporar ao ato solidário quando idealizou a campanha. “A chegada da vacina contra a Covid trouxe muita esperança e compaixão para uma população que estava desanimada e com medo. Ao mesmo tempo, a pandemia deixou muitas pessoas em situação de vulnerabilidade. Então, com o apoio do Fundo Social e da Secretaria de Saúde, nós da Comunicação decidimos ligar essas duas pontas: quem quer ajudar e quem está precisando. A adesão tem sido muito grande e agradecemos a população de Barueri, que sempre se engaja muito nas campanhas sociais”, declara Thazio.

Em curso desde o início de abril, a Campanha Vacina Solidária, empreendida pela Secretaria de Comunicação (Secom) com o apoio da Secretaria de Saúde de Barueri, recebe doações de itens de higiene e alimentos não perecíveis nos seis polos de vacinação e também no CAP (Centro de Aperfeiçoamento de Professores).

Ninguém é obrigado a doar. A ideia é que aqueles que estejam indo tomar a vacina, caso desejem, contribuam. Toda a arrecadação está sendo levada ao Fundo Social de Solidariedade Estrela Guia, que prontamente distribui entre as famílias em situação de vulnerabilidade social.

Meia tonelada de amor ao próximo
A primeira entrega ocorreu nesta quarta-feira (dia 14), contendo mais de meia tonelada de alimentos, além dos itens de limpeza e higiene.

A Secom, na pessoa do secretário Thazio, e a Secretaria de Saúde, representada pelo secretário Dionisio Alvarez Mateos Filho, parceiras nessa empreitada, foram muito bem recebidos pela primeira-dama e presidente do Fundo Social, Sônia Furlan, e pela secretária de Assistência e Desenvolvimento Social (Sads), Adriana Bueno Molina, quando foram levar o que foi arrecadado nesses primeiros dias de campanha.

“Eu tenho tanto orgulho da nossa cidade! Porque ela é tão solidária em todos os momentos, e poder aliar a ação da vacinação com a ajuda para as pessoas que estão passando por um momento de muita dificuldade é de uma ajuda valorosa. Nós agradecemos a todos vocês que têm nos ajudado para que a gente possa levar tranquilidade a essas famílias nesse momento que está sendo tão difícil. E que nós possamos sempre ser a cidade que nós somos: uma cidade solidária, preocupada com o próximo, e que sempre vai socorrer aquele que estiver precisando”, disse Sônia Furlan no momento da entrega dessa primeira remessa.

Ajude
Toda ajuda é bem-vinda. As doações estão sendo recebidas nos sete polos de vacinação espalhados pela cidade, contando com o CAP, que está destinado à imunização de professores. Os polos abrem das 7h30 às 18 todos os dias, até mesmo aos finais de semana e feriados.

Fonte: Secom – Prefeitura de Barueri