Barueri promove coletiva de imprensa sobre ações de combate à pandemia

0
57

Nessa quarta-feira (dia 9) aconteceu uma coletiva de imprensa no Centro de Eventos de Barueri que tratou sobre as ações da Administração no enfrentamento da pandemia causada pela Covid-19, e seus efeitos na saúde e na economia do município.  O evento foi motivado pela marca de 100 mil doses de vacina aplicadas e mais 100 mil testes RT-PCR realizados para detecção da doença pelo município.

Compuseram a mesa o prefeito de Barueri, Rubens Furlan, o vice-prefeito e secretário de Obras, Beto Piteri, o prefeito de Itapevi, Igor Soares, o presidente da Câmara de Vereadores de Barueri, Antonio Furlan Filho, o secretário de Saúde de Barueri, Dionisio Alvarez Mateos Filho, e a secretária de Assistência e Desenvolvimento Social, Adriana Bueno Molina. A coletiva foi mediada pelo secretário de Comunicação, Thazio Gomiero.

Solícito, o prefeito de Itapevi, Igor Soares, também respondeu aos questionamentos trazidos pelos jornalistas. Compareceram veículos de imprensa da região, bem como secretários, vereadores e demais autoridades municipais. Embora não tenha se tratado de evento com grande volume de pessoas, o espaçoso Centro de Eventos permitiu a manutenção do distanciamento físico, bem como a adequada ventilação para prevenção da Covid-19.

Furlan destacou que as principais decisões para o combate ao coronavírus em Barueri e nas outras cidades da região Oeste do Estado de São Paulo sempre foram tomadas em conjunto com todos os prefeitos, em reuniões periódicas geralmente realizadas em seu gabinete. “Nos articulamos e procuramos sempre buscar as melhores soluções, principalmente nos primeiros momentos da pandemia, quando não tínhamos informações suficientes e infelizmente nenhuma orientação do governo federal”, afirmou Furlan.

Como resultado do trabalho conjunto com os demais prefeitos e com as ações tomadas no município, tem sido possível a aplicação de 100 mil doses de vacina contra a Covid-19 (somando a primeira e a segunda dose), além da realização de mais de 100 mil testes RT-PCR de detecção do vírus na população, desde o começo da pandemia.

“Temos hoje entre 11% e 12% da população de Barueri totalmente imunizada”, completou Furlan.

O prefeito falou ainda sobre a geração de empregos, auxílio às famílias em situação de vulnerabilidade, estrutura pública da saúde no município, entre outros assuntos. Seguem abaixo os principais temas tratados na prestação de contas.

O evento foi transmitido ao vivo no perfil pessoal de Furlan no Facebook e pode ser conferido AQUI.

Covid-19 – Barueri contou com uma estrutura na saúde cujo investimento público já vinha sendo feito bem antes da pandemia (na ampliação de atendimentos em prontos-socorros, hospitais e Unidades Básicas de Saúde, bem como na aquisição de novos equipamentos). Isso proporcionou, por exemplo, a possibilidade de chegar a 400 leitos em UTIs (Unidade de Terapia Intensiva) e em enfermaria no pior momento da pandemia, fazendo com que o sistema não entrasse em colapso no ponto mais crítico da pandemia, como aconteceu em muitas cidades do país.

Foi graças à forte estrutura em Saúde que Barueri evitou a criação de hospitais de campanha, conseguindo adaptar sua própria rede para socorro às vítimas da Covid de forma exemplar, evitando, inclusive, submeter-se a uma verdadeira máfia que se aproveitou da situação para praticar preços abusivos dos equipamentos e insumos urgentes para salvar vidas.

Segundo o prefeito de Barueri, a expectativa é que a partir de agora se avance muito na vacinação da população, principalmente com a tendência de aumento de oferta de vacinas (como é o caso da russa Sputnik, aprovada recentemente pela Anvisa).

Promoção Social – Graças à política de distribuição de alimentos às pessoas mais vulneráveis no município, por meio da entrega de cerca de 30 mil cestas básicas (chegando a atingir 35 mil) mensais, diretamente nas residências, e por meio da entrega da merenda escolar aos alunos em suas casas, durante oito meses, têm-se evitado a fome em Barueri. Outra ação importante foi a arrecadação de 177 toneladas de alimentos e outros itens diversos, obtidos também por meio do Fundo Social de Solidariedade Estrela Guia e distribuídos aos que mais necessitam.

Geração de emprego – “Nós não temos capacidade de criar um projeto que movimente a economia, isso quem tem que fazer é o governo federal, mas conseguimos agir pontualmente criando vagas de trabalho nas obras que a Prefeitura vem fazendo pela cidade”, afirmou Furlan. Só a prefeitura gera hoje no município cerca de 2.500 postos diretos de trabalho a partir das obras realizadas na cidade, como a do Hospital Regional Rota dos Bandeirantes, do Parque da Juventude, da construção de piscinões, dentre outras.

Educação – Todos os funcionários que trabalham nas escolas de Barueri estão imunizados, o que auxilia muito em um futuro retorno presencial das crianças às aulas. As escolas também estão preparadas para o retorno, muitas foram reformadas e há disponibilidade de materiais de higienização e de proteção, como máscaras e álcool em gel. De acordo com o prefeito, a decisão da volta presencial será tomada em conjunto com o sindicato dos Professores. De qualquer forma, Barueri segue com seu projeto educacional inovador, em parceria com o Google for Education e o reforço de 15 mil Chromebooks que já auxiliam os alunos no dia a dia e passaram a ser fundamentais nesse período de ensino remoto.

Fonte: Secom – Prefeitura de Barueri