Aulas presenciais são adiadas para o dia 15 de março

0
113

O retorno das aulas presenciais na rede de ensino de Barueri e nas escolas da FIEB (Fundação Instituto de Educação de Barueri) que estava marcado para o dia 1º de março foi adiado para o dia 15 do mesmo mês.

A decisão foi tomada após reunião realizada nesta quarta-feira (dia 24) com o prefeito de Barueri, Rubens Furlan, e os demais chefes de Executivo que integram o Consórcio Intermunicipal da Região Oeste Metropolitana de São Paulo (Cioeste).

O adiamento para o próximo dia 15 de março tem como objetivo evitar uma maior disseminação do coronavírus. A decisão foi tomada após o anúncio do aumento de casos no Estado de São Paulo. O governador João Dória oficializou que irá restringir a circulação das 23h às 5h em todo o estado entre os dias 26 de fevereiro e 14 de março.

Em suas redes sociais o prefeito de Barueri disse existir uma intenção conjunta entre os prefeitos da região para a garantia da imunização dos professores. “Vamos fazer uma pressão forte junto ao governador para que possa imunizar todos os docentes, e assim nós vamos conseguir mandar para a escola os professores e os alunos com a segurança que todos nós desejamos. Mais um pouquinho de paciência e nós vamos conseguir imunizar todos os professores e aí sim com segurança voltar as aulas”, disse.

Enquanto não acontece o retorno presencial, as aulas remotas seguem normalmente em toda a rede de ensino de Barueri e na FIEB, sem prejuízo ao projeto pedagógico.

O secretário de Educação, Celso Furlan, reuniu diretores e supervisores de ensino para alinhar protocolos e a organização de todas as escolas da rede, de forma a garantir a aprendizagem e o acolhimento dos alunos.

Fonte: Secom – Prefeitura de Barueri