Rogério Lins participa de aula inaugural de curso de prevenção às drogas

0
46

O prefeito de Osasco, Rogério Lins, participou na segunda-feira, 19/3, na Sala Osasco, da aula inaugural do curso de capacitação de agentes multiplicadores na Prevenção ao Uso de Drogas, denominado “Não às Drogas”, promovido pelo Denarc (Departamento Estadual de Prevenção e Repressão ao Narcotráfico). O curso, oferecido a cerca de 200 pessoas, entre as quais agentes de saúde, esportes e lideranças comunitárias, visa reforçar a prevenção ao uso de drogas e tem carga horária de 20 horas.

Na abertura do evento, Lins falou da importância do envolvimento das famílias e do poder público com o tema. “O acolhimento da família é fundamental, porque não é apenas a pessoa que está em situação de drogadição que sofre. O poder público também tem o seu papel, que é desenvolver ações que acolham essas pessoas que precisam de tratamento. Na cidade temos os CAPS (Centro de Atenção Psicossocial) e, em breve, vamos criar um albergue para os que estão em situação de rua. Lá, eles poderão colocar suas carrocinhas e também terão acompanhamento do serviço social e, entre outras ações, receberão cursos de capacitação para o trabalho”, disse.

O policial civil Thiago Magno fez a palestra de abertura. Ele falou dos aspectos jurídicos da Lei sobre Drogas (11.343/2006). “A família é o núcleo principal da educação da criança e do adolescente para orientá-los e afastá-los do mundo das drogas. A escola é apenas o complemento da educação que deveria vir de casa. Mas os meios informais, como a igreja, também são importantes neste papel”, avalia.

Também participaram do evento, os secretários Valdeci Magdanelo (Segurança e Controle Urbano) e Elsa Oliveira (Assistência Social), Reginaldo dos Santos (presidente da Associação Policial de Assistência Social), Márcio Silva (conselheiro tutelar), Margarete Cruz (vice-presidente do Conselho Estadual de Políticas Públicas sobre Drogas), o vereador Josias da Juco e o delegado Igor Alves (Delegacia de Investigações Sobre Entorpecentes), além de outras autoridades municipais.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui