Maternidade Amador Aguiar realiza 4.950 partos em um ano

 

O Hospital e Maternidade Amador Aguiar realizou 4.950 partos em 2018, dos quais 3.013 (60,09%) normal, 1.882 cesárea e 8 fórceps. Dentre os partos também foram registrados 6 partos normal gemelar e 41 partos cesárea gemelar.

Os meses com maior movimento foram março, com 511 nascimentos (340 normal, 166 cesárea, 1 normal gemelar e quatro normal gemelar), seguido por maio com 468 nascimentos, sendo 259 normal, 202 cesárea, 2 fórceps e 5 cesárea gemelar. Na sequência vem o mês de abril com 266 partos normal, 180 cesárea, 2 fórceps, 1 normal gemelar e 6 cesárea gemelar.

Para a mulher, a realização do parto natural apresenta várias vantagens. Os índices de infecção e hemorragia são menores. A dor no pós-operatório é bem reduzida e o risco de morte da mãe e do bebê é seis vezes menor, de acordo com levantamento do Ministério da Saúde, que incentiva o parto normal.

Na Maternidade Amador Aguiar, além do atendimento humanizado, mãe e bebê contam com leitos apropriados para abriga-los. A maternidade também está dotada de UTI Neonatal, um espaço reservado para tratamento de prematuros e de bebês que apresentam algum tipo de problema ao nascer. Nem sempre os bebês internados nas UTIs neonatais estão doentes. Algumas vezes eles estão apenas crescendo e se tornando aptos para respirar, sugar e deglutir.

Outros números positivos da Maternidade Amador Aguiar referem-se às mães doadoras de leite que, em 2018, atingiu 1.377 mulheres que doaram um total de 534,1 litros de leite.

Durante 2018, o Hospital e Maternidade Amador Aguiar realizou 65.965 procedimentos: consultas (41.768), amnioscopia (276), medicação/inalação (15.180), internação (7.859), observação (658) e dextro (224).

Depoimento

“Tinha acabado de completar nove meses. As minhas filhas estavam sentadas e, então, tive que fazer cesárea, por segurança. Quando cheguei na Maternidade, na data agendada, foi tudo muito rápido. Cheguei às 11h30 no hospital. Às 13h30 a cirurgia começou, e às 13h58 e 13h59 as bebês nasceram. Em menos de meia hora estava com minhas filhas nos braços. Foi emocionante! Não tive nenhuma complicação, os pontos não inflamaram e fui muito bem atendida em todo o período em que ficamos na maternidade”, relatou Ana Paula Andrade, mãe de primeira viagem da Laura e da Valentina.  

 

 

Diferenciais

Desde 2017, a Maternidade Amador Aguiar, única que atende pelo SUS (Sistema Único de Saúde) em Osasco, é hospital-escola e referência em gestações e partos de alto risco, designação concedida pelo Ministério da Saúde, além de ser uma unidade atrativa para profissionais que desejam se especializar em nascimentos humanizados e ter acesso a atendimentos ambulatoriais em instituições como a USP (Universidade de São Paulo) pelo Centro de Saúde Escola Geraldo de Paula Souza, da Faculdade de Saúde Pública, Hospital dos Servidores Público Estadual e Hospital Pérola Byington.

A maternidade também é habilitada pelo Plano de Ação “Rede Cegonha” e ainda recebeu da Unicef o título de “Hospital Amigo da Criança”.

Atualmente a maternidade conta com UTI Adulto, leitos de UCI Neonatal, Casa da Mulher, Banco de Leite, Agência Transfuncional e ala de cuidados das mães de prematuros.